Informações Editoriais

Breviário de Filosofia Pública
ISSN 2236-420X

Esta revista é idexada pelo Latindex.

O Breviário de Filosofia Pública é um periódico de ensaios. O anseio preferencial é pelos escritos curtos. Apesar disso, não nos assustamos com o fôlego resistente, se for original. Os textos recebidos são avaliados inicialmente pelo corpo de pesquisadores do Laboratório de Estudos Hum(e)anos. A este se somam, quando necessário, os membros do conselho consultivo. Se terminantemente necessárias, aceitamos as referências bibliográficas. Contudo, somos, desde 2017, intolerantes com as notas de rodapé. A nossa variabilidade temática inclui o mundo contemporâneo. Saímos do presente, se tal gesto estiver num livro novo, numa linguagem nova, numa nova forma. Somos simpáticos às expressões literárias que se sintam bem entre filósofos, sociólogos e cientistas políticos.


Editor
Tamires Alves


Editor Assistente


Se não houver outro jeito as referências bibliográficas devem vir integradas ao texto:

# Livro: (FREYRE, 2000, p. x) ou FREYRE, Gilberto. Sobrados e Mucambos. Rio de Janeiro/ São Paulo: Editora Record, 2000, p. x.

# Artigo em coletânea: (VIANNA, 2000, p. x) ou VIANNA, Luiz Werneck. “O Estado Novo e a ‘ampliação’ autoritária da República”. In: Carvalho, Maria Alice Rezende de (org.). República no Catete. Rio de Janeiro: Museu da República, 2000, p. x.

# Artigo em periódico: (CARVALHO, 2001, p. x) ou CARVALHO, Bruno Sciberras de. “As condições sociais da ação instrumental: problemas na concepção sociológica da teoria da escolha racional”. Dados, 2007, vol.50, no.4, p.x.

# Teses e dissertações: (JALLES, 2007, p. x) ou JALLES, Christiane de Paula. Combatendo o bom combate: política e religião nas crônicas jornalísticas de Gustavo Corção (1953-1976). Rio de Janeiro: tese de doutorado, Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro, 2007, p. x.

Envio de colaboração: ckiraly@id.uff.br

Comments are closed.